Tecnologia em prol do meio ambiente

/, Tecnologia/Tecnologia em prol do meio ambiente

Tecnologia em prol do meio ambiente

A diminuição dos impactos de nossas atitudes na natureza é uma preocupação constante de governos, ONGs e da sociedade, de forma geral. A preservação de recursos naturais e seu uso consciente são temas atuais e de extrema relevância. No post de hoje, falaremos sobre o uso da tecnologia em prol do meio ambiente, em homenagem ao Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado em 05 de junho.

Dentre as consequências mais comuns dessas práticas estão a economia de energia elétrica e de água, a diminuição da emissão de poluentes e a reutilização de materiais, o que, além de evitar o desperdício, diminui o volume de lixo despejado em aterros e lixões.

Algumas indústrias, como as agrícolas e as voltadas para exportação, estão trabalhando com o conceito de que todo produto deve ser pensado, desde seu início, de maneira sustentável, evitando assim grandes desperdícios no final do processo. O objetivo é que o resíduo gerado na fabricação de um produto possa ser reaproveitado na fabricação de outros novos.

Por exemplo, o cortador de grama é um equipamento que, ao longo de anos, vem sendo aprimorado. Atualmente, há aparelhos que já possuem a função de reciclar o material cortado, transformando-o em pequenos pedaços, que se decompõem rapidamente e, ao retornarem ao gramado, tornam-se fertilizantes. Outro aparelho que vem sendo melhorado é a motosserra, que facilita atividades como o corte de lenha, poda de galhos e confecção de cercado. Hoje em dia, já é possível economizar até 20% no uso de combustível e diminuir até 60% a emissão de gases poluentes.

Para economizar energia e, consequentemente, os recursos naturais, também podemos citar as lâmpadas de LED, pois seu consumo de energia mensal é consideravelmente menor e sua duração é bem maior, se comparada aos outros tipos de lâmpadas. Os aparelhos de ar-condicionado também podem contribuir para a economia – os que têm a tecnologia Inverter, principalmente, pois consomem até 40% menos energia que os de sistema convencional.

A tecnologia em si, claro, não fica de fora de todo esse assunto. Ela faz com que os aparelhos eletrônicos sejam substituídos por outros mais modernos com uma grande rapidez. Na hora de descartar esses aparelhos “antigos”, muitas vezes, as pessoas não sabem como proceder, podendo deixá-los em locais impróprios. A conscientização é importante nesse aspecto, para que esses produtos sejam descartados corretamente e não causem nenhum dano ao meio-ambiente.

E falando de tecnologia, ela pode influenciar ativamente na preservação do meio-ambiente. Por exemplo: já existem impressoras 3D que utilizam garrafas pet como matéria-prima para criarem novos produtos. A geração de energia limpa, como a obtida através de painéis solares, também é uma boa amostra de que tecnologia, economia e natureza podem andar juntas. E, claro, não podemos deixar de falar sobre os diversos aplicativos, já citados várias vezes aqui no blog, que ajudam na economia de água, energia e muito mais.

Esses são alguns exemplos de como o avanço tecnológico pode ajudar diversos setores. A tecnologia torna-se, então, aliada da natureza e de sua preservação, fazendo diversas atividades serem mais conscientes e equilibradas.

Esperamos que tenham gostado das informações que trouxemos na matéria de hoje, servindo de inspiração para que várias outras áreas de trabalho atuem de forma mais verde, de forma a não prejudicar, aliás, a ajudar, o meio-ambiente, contribuindo para o seu equilíbrio, o que é importante para todos, inclusive para as futuras gerações.

 

Confira o conteúdo relacionado!

Dia Mundial da Energia – Apps que ajudam a economizá-la

Uso da tecnologia em favor da natureza

 

Comentários

comentários

2018-05-15T17:26:48-03:00 5 de Junho de 2017|Dicas da Base, Tecnologia|0 Comentários

Deixe um Comentário